quinta-feira, 5 de junho de 2014

Viana do Castelo


Se o meu sangue não me engana
como engana a fantasia
havemos de ir a Viana
ó meu amor de algum dia

Pedro Homem de Mello